CRIANÇAS E ADOLESCENTES MORRENDO PELA BOCA.

Crianças e adolescentes morrendo pela boca. Siro Darlan, desembargador do Tribunal de Justiça e Coordenador Rio da Associação Juízes para a democracia. Os profissionais de saúde, médicos, pediatras e nutricionistas têm alertado para a responsabilidade da família, a escola, o Estado e a sociedade de favorecer a adoção de um comportamento saudável por parte das…



Redução da responsabilidade penal, um engodo.

Redução da responsabilidade penal, um engodo. Siro darlan, desembargador do Tribunal de Justiça e Coordenador Rio da Associação Juízes para a Democracia.   Renova-se no Congresso Nacional a corrente de parlamentares da Torquemada, que aponta a perseguição, a prisão e a tortura como solução para o problema da criminalidade no Brasil. A proposta em debate…



VIOLÊNCIA GERA VIOLÊNCIA

Violência gera violência. Siro Darlan, desembargador do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e Coordenador Rio da Associação Juízes para a democracia.   Diariamente nos chocamos com noticias de violência que atinge a todos os segmentos da sociedade. São vítimas da criminalidade, da polícia, dos desencontros entre parceiros, esposos, namorados companheiros, etc… Leis são…



A RECONCILIAÇÃO DA SOCIEDADE COMBATE A VIOLÊNCIA

A reconciliação da sociedade combate a violência. Siro Darlan, desembargador do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e Coordenador Rio da Associação Juízes para a democracia.   Toda crise social advém da violência que acomete a humanidade em todos os segmentos sociais. Na família, os cônjuges andam lado a lado como dois bêbados que…



PRÁTICAS RESTAURATIVAS

Práticas Restaurativas. Siro Darlan, desembargador do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e Coordenador Rio da Associação Juízes para a Democracia.   O mundo está em crise e a maior razão é a falta de amor ao próximo. O conflito às vezes é interpessoal, outras vezes grupal e alcança níveis societários. A falta de…



AUDIÊNCIA DE CUSTODIA, UM DIREITO A SER RESPEITADO.

Audiência de custodia, um direito a ser respeitado. Siro Darlan, desembrgador do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e Coordenador Rio da Associação Juízes para a Democracia.   Findos os trabalhos da Comissão da Verdade, concluiu-se que a tortura não faz apenas parte de nossa história recente, mas continua sendo uma prática como método…



O JULGAMENTO DO JUSTO

O julgamento do justo. Siro Darlan, desembargador do Tribunal de Justiça e Conselheiro do Flamengo.   Um valente Conselheiro e sócio proprietário do Flamengo, preocupado com o já tão dilapidado patrimônio do Clube, verificando que havia um grave risco na oferta feita pelo atual Conselho Diretor de colocar como garantia de uma dívida com o…



Uma breve história da luta da grande mídia contra os interesses nacionais.Leandro Severo

Uma breve história da luta da grande mídia contra os interesses nacionais. Leandro Severo (*)   Em 1957, uma CPI da Câmara dos Deputados comprovou que O Estado de São Paulo, O Globo e o Correio da Manhã foram remunerados pela publicidade estrangeira para moverem campanhas contra a nacionalização do petróleo. Em momentos cruciais para…



LO STERMINIO DI BAMBINI IN BRASILE.

Lo sterminio di bambini in Brasile di Siro Darlan*, pubblicato su Jornal do Brasil il 31.01.15   Una delle università più avanzate del mondo, Harvard, ha rilevato che i bambini trascurati all’interno di “abrigos” (ndt. con il termine “abrigo”, letteralmente “rifugio”, si definiscono in Brasile le strutture di accoglienza per bambini abbandonati e/o di strada), presentano problemi di sviluppo cerebrale, che…



MAIS REPRESENTAÇÕES NO STJ. SERÁ QUE AGORA VAI ACONTECER ALGUMA COISA MORALIZADORA? ESSA NOTICIA NÃO SAIRÁ EM O GLOBO PORQUE PARA ELES LIBERDADE DE EXPRESSÃO É USAR O JORNAL PARA NOTICIAR O QUE O DONO PERMITE.

    EXCELENTÍSSIMA SENHORA MINISTRA CORREGEDORA FÁTIMA NANCY ANDRIGHI DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA.       BERNARDO MOREIRA GARCEZ NETO, na qualidade de Presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro, brasileiro, casado, portador da carteira de identidade n.º 2228430, expedida pelo IFP, inscrito no C.P.F. sob o n.º 180.020.727-15, com domicílio necessário…