CRIANÇA RUBRONEGRA É CRIANÇA RESPEITADA E FELIZ

CRIANÇA RUBRONEGRA É CRIANÇA RESPEITADA.

Siro Darlan, desembargador do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e Membro da Associação Juízes para a democracia.

O Flamengo desde que assinou a parceria com a UNICEF para se transformar num Clube Nota Dez no respeito aos direitos das crianças e adolescentes, tem pontuado como uma referência na questão da responsabilidade social, que se deseja para todos os clubes dedicados ao esporte.
A Presidenta Patricia Amorim dedicou um grande esforço de sua administração para capacitar professores, atletas e servidores no conhecimento e garantia dos direitos infanto juvenis. Dentre outras providências, combateu a negligência no cuidado com as crianças e adolescentes atletas e frequentadores da Gávea. Construiu o Parque Infantil Carlinhos, homenageando o grande atleta que tantas alegrias nos deu e patrocinando um ambiente de lazer digno para os petizes. Criou a Ficha de Notificação de casos suspeitos ou confirmados de violência contra crianças e adolescentes, com manda o ECA.
Mais do que isso, a Gávea se transformou em um local para ser frequentado pela Grande Família Rubro Negra, transformando-se em ambiente agradável e acolhedor, acabando com os ratos a gambás que antes faziam parte do visual. Contratou uma equipe de Terapeutas Comunitários para acompanhar e auxiliar os atletas em formação e seus familiares. Criou o Projeto Urubinha de responsabilidade social, com treinamento e capacitação de jovens de comunidade para o conhecimento da História do Flamengo e que quando da inauguração do Museu serão contratados como guias mirins da Gávea e Centro de Treinamento.
Claro que vivemos das vitórias no futebol, que essa é nossa glória como portador de maior número de títulos no Rio, hexacampeão do Brasil e Campeão do Mundo, mas há outras áreas importantes numa administração que também deve nos orgulhar e o cuidado e respeito com as crianças é um deles.

Esta entrada foi publicada em Opinião. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.