O COMUNISTA

Papa FranciscoO comunista.
Siro Darlan, desembargador do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e Coordenador Rio da Associação Juízes para a Democracia.
O Papa Francisco conversava com jovens quando um deles perguntou se o Papa era comunista. Rindo muito o Papa confirmou ser comunista como deveriam ser os primeiros cristãos que compartilhavam tudo o que tinham sem apegos materiais. Essa cena me inspirou a escrita de um artigo publicado em O Dia sob o título “O Papa é comunista e eu também”. Na época o artigo não causou tantos comentários, mas nesses últimos dias os comentários bombaram no meu blog, a maioria deles muito raivosos condenando essa ironia.
Alguns mencionaram e transcreveram todas as Encíclicas da Igreja condenando o comunismo e muitos me excomungaram. Outros, menos tolerantes, me condenaram a arder no fogo do inferno. Ora desde que eu esteja acompanhado do Papa Francisco irei feliz para qualquer lugar na certeza de que estarei muito bem acompanhado. Não é sem motivos que se especula o perigo que corre Sua Santidade por sua coerência cristã. Muitos são os que estão descontentes com sua palavra coerente com a Sagrada Escritura de desapego aos bens materiais, com seu exemplo de humildade e serviço. Houve até aqueles que indagaram se não tinha medo de um atentado e a ameaça de que “vigaristas como você também morrem sem saber”.
A Igreja que serve é a Igreja de Cristo e não aquela que condena. A Igreja que acolhe é misericordiosa e não excludente e rica em adornos. Evidente que a Igreja em seus primórdios foi uma Igreja mais fraterna e solidária. Os cristãos perseguidos e martirizados eram comunistas na divisão de tudo que partilhavam entre si e por isso sobreviveram e sedimentara uma Igreja para sempre. O egoísmo e a ignorância da violência contra os semelhantes têm seus dias marcados e perece com seus autores. Os cristãos eram conhecidos pelo partir do pão, ato transformado em sacramento da Eucaristia, para lembrar para sempre a obrigação de partilhar e ter os valores em comum.
Também foi num julgamento que a turba revoltada e insana pediu a condenação de um Inocente. Talvez seja essa a razão de muitos Tribunais terem retirado a imagem do Cristo de seus recintos, para que possam ser realizadas “tenebrosas transações” sem o testemunho do Crucificado. A história se repete e modernamente aqueles que antes gritavam “crucifica-O, crucifica-O” continuam, mesmo sem conhecer a acusação, nem o que consta dos autos do processo esbravejando “prende, prende”; “são bandidos e baderneiros”. O raciocínio e a racionalidade de uma turba raivosa é perigosa porque não tem limites. Constituição pra que? Devido processo legal, pra que? Vale o que diz o jornal que serve o interesse daqueles que lhes pagam.

Nunca é demais lembrar que onze jovens manifestantes da Palavra partiram da Palestina para divulgar a boa nova e foram perseguidos, presos, humilhados e martirizados por semearem o Amor entre os gentios. Essa mensagem foi taxada de subversiva, terrorista, infiel, mas sua semente brotou e modificou muitos corações endurecidos e violentos.
Quero tranquilizar as viúvas dessa turba inflamada que mesmo sendo comunista, jamais “comi, nem comerei criancinhas”. Apenas continuarei aplicando o direito com toda fundamentação legal e sem me deixar pautar pelas injunções que desejam impor-se às leis com pressões indevidas sobre os julgadores. Assim como Salomão nada peço para mim e muito menos a morte de meus inimigos, apenas que Deus me dê discernimento e um coração sábio e inteligente para praticar a Justiça.

Esta entrada foi publicada em Opinião. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

13 respostas a O COMUNISTA

  1. Renato f Wysocki disse:

    Isso é uma piada! Papa Franscisco sempre foi contra o Comunismo e sempre será! Por que você Siro Darlam não vai ser Desembargador em CUBA, na Rússia ou Venezuela. Lá você seria bem mais útil, para prender anti-comunista!!!

  2. WALAS disse:

    Caro desembargador,já admirava o senhor pela luta pela justiça e democracia e também pela paixão pelo nosso Mengão,apesar de ter posição política antagonista á esquerda,e quando vi seu blog com foto do che me parece um contra senso:como pode um humanista admirar alguém que matou direta ou indiretamente milhares sem julgamento justo,apenas com tribunal do povo???

  3. Alexandre disse:

    Nao costumo opinar nem tampouco escrever , mas nao pude me furtar ao que li em sua matéria. Parabéns pela clarividência e certeza de carater e postura que apresentas, não obstante ao titulo que conquistastes por merito aqui neste planeta. Certo como amanha sera outro dia, certo tambem é o fato de que nao podemos agradar a todos, visto que as vertentes da satisfacao sao oriundas das mais distintas posicoes. Estar apoiado em fe e mansidao numa experiencia humano-religiosa que vem se desenvolvendo ao longo da historia humana é sinal de coerencia. Contestações, dúvidas, reflexões fazem parte de nossa vida e isto é normal. Agora, saber seguir o silencioso grito, chamado de justiça e coerência, isto sim, é para poucos. E demonstras, pelo menos a mim que sabes trilhar muito bem por esta tênue e delicada percepção. Tornas visível pela sua atitude o invisível de muitos. Um jurista antes de ser o que é, trilhou e trilha seu caminho de humanidade e deveria senão em tese, ser uma ativa extensão de seu caráter pela ponta de sua caneta. Não o conheço, não o estou bajulando ou num português coloquial “puxando o saco”, estou apenas demonstrando minha satisfação em saber que de certo modo não estou sozinho neste mundo de muitas lágrimas e escuridões. Façamos de nossas atitudes uma ilha de luz e segurança e que nela possamos instalar um farol que ilumiine as mentes e corações por vezes vaidosos e embrutecidos de outrem.

  4. Augusto disse:

    Dr. Siro, essa direita raivosa, leitora voraz de Veja, também acha que pagar tributo é coisa de comunista.

  5. Augusto disse:

    Todos deveríamos ser COMUNISTAS!

    Comunista, na acepção primitiva da palavra, significa ser voltados à comunidade (comum + unidade), isto é, AMAR O PRÓXIMO (como a si mesmo).

  6. Augusto disse:

    Todos deveríamos ser COMUNISTAS!

    Comunista, na acepção primitiva da palavra, significa ser voltado à comunidade (comum + unidade), isto é, AMAR O PRÓXIMO (como a si mesmo).

  7. Augusto disse:

    Para Walas…

    O Capitalismo burguês deu à humanidade a LIBERDADE; o comunismo/socialismo proletário, a IGUALDADE; e o CRISTIANISMO, a FRATERNIDADE!

    Não é lindo isso?????!!!!

    Por que nos agarrarmos a apenas um deles, se podemos praticar todos, naquilo que cada um tem de melhor, num PERFEITO EQUILÍBRIO DE FORÇAS???

  8. Peregrino disse:

    Para Augusto…

    O comunismo/socialismo deu-nos 150.000.000 de mortos. Não é lindo isso?

  9. Ricardo disse:

    Parabéns desembargador. Brilhante. Como cristão e católico concordo totalmente.

  10. hidalgo disse:

    Caros,

    Este é o mesmo Sr. que concedeu habeas corpus àquele grupelho de terroristas? Ao deparar-me com alguns ícones dispostos em destaque no blog, o quadro todo torna-se tão previsível quanto tedioso. Se dizer democrata e comunista, cristão e marxista, fã de Guevara e pontificar sobre fraternidade e misericórdia, é de uma inconsistência tão grande que, tentando resgatar alguma racionalidade neste rol de contradições, resta-me apenas cogitar as hipóteses do total e completo desconhecimento histórico, do desprezo à lógica mais elementar ou, por fim, de um cinismo infinito.

    Sds,
    h.

  11. BOCA disse:

    Com todo respeito, mas se um dia meu filho vier me dizer que quer ser advogado e, futuramente, juiz eu o ponho pra fora de casa. Se é pra ser bandido, vira político p…! Eu sei que existem alguns que seguem o exemplo de Joaquim Barbosa, mas em tempos de PT essa raça tá ficando cada vez mais desqualificada. Se meu filho chegar e falar pra mim que é gay, tudo bem, ficarei um pouco chocado, mas aceitarei sem maiores problemas… mas advogado e juiz, NÃÃÃÃÃOOOOO!!!… Pra ser um siro darlan da vida?

  12. Siro Darlan disse:

    Não cara, seu filho nunca será um Siro Darlan, porque meu pai nunca foi covarde de se esconder atrás do anonimato para injuriar os outros. Também nunca será um gay porque não aguentaria ser filho de uma pessoa tão preconceituosa. Quando honrar as calças que veste venha me ofender pessoalmente, de costas é mole….

  13. BOCA disse:

    Isso não é preconceito e não sou hipócrita pra dizer que morreria de felicidades se o meu filho fosse gay, mas, como disse, aceitaria, chocado como todo pai, mas aceitaria. Quanto a educação que o meu pai me deu, eu não conheço o seu pai e não o culpo de te-lo ajudado a vir ao mundo, mas o meu, que você também não conhece, me deu a noção necessária de justiça e eu nunca precisei estudar sobre leis pra saber que respeitar um estado democrático é não se valer de um cargo pra se sobrepor à decência, à moral e aos bons costumes pra, em nome de uma ideologia política, ultrapassar os limites do bom senso e a dignidade e agir em defesa de arremedos de terrorista almofadinhas que, sob a mesma ideologia que você professa, sair por aí depredando instituições públicas e privadas, danificando bens de quem realmente trabalha uma vida toda pra conseguir, tocando fogo e o terror na sociedade, assassinando pessoas que estão no cumprimento do dever, como o cinegrafista da Band e tendo posse de armas letais. Pessoas que usam dessa anarquia que se instalou nesse desgoverno atual e sob sua “bênção” pra praticar esses atos imorais. O sr. deveria ser o primeiro a coibir isso, mas, ao contrário, dá o aval pra que isso volte a acontecer. Coloque na sua conta a próxima vítima fatal desses arruaceiros sem noção, dr. Eu honro as calças que visto, mas não sou burro de lhe enfrentar pessoalmente, porque você, além de mostrar desequilíbrio, tem em seu poder o poder que eu não possuo. Eu sou um simples trabalhador brasileiro que não fica postando fotos com um delinquente assassino ao fundo. Eu sei respeitar a minha pátria e as pessoas que nela vivem. Eu sou um cidadão brasileiro com coragem de lutar pelos meus e pelo meu país. .. e equilibrado o suficiente pra ignorar suas ameaças.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.